De torcedor para torcedor – Site não oficial

[BMF] Semana 5 – Dallas @ Denver – Haja coração!

10/10/2013 - 17:06


[BMF] Semana 5 - Dallas @ Denver - Haja coração!

Já vimos essa cena muitas vezes. Não, não me refiro à cena da foto. Ela é rara, acontece uma vez a cada cinco anos, e nunca mais deve acontecer, Peyton Manning trotando (porque não dá pra dizer que ele está correndo) para um Touchdown. Referia-me aos shootouts de Manning. Quando a defesa não ajuda, ele disputa TD por TD com o QB adversário. Essa vitória não foi da arte, não foi do show, foi do coração.

Havia muito tempo que Matt Prater não tinha seus serviços necessitados. Ganhando 15 jogos seguidos por um TD ou mais de diferença, ele havia sido relegado a chutar extra points. Mas não desta vez. E com um chute perfeito no estourar do cronômetro, vencemos um dos adversários mais difíceis da temporada.

Este BMF será mais curto, porque eu tô com menos tempo esta semana, mas farei o possível pra ser tão bom quanto os outros.

Ataque

Lembram-se de que nunca havíamos passado da marca dos 50 pontos na história da franquia até semana passada? Fizemos de novo. Com 51 pontos, os 4 Cavaleiros do Apocalipse (Thomas & Thomas, Decker e Welker), Knowshon Moreno e Matt Prater garantiram uma vitória difícil, mas mantiveram-nos no jogo o tempo todo. Neste que foi o primeiro jogo na temporada na qual o QB adversário teve números melhores que Peyton Manning, e que vimos a primeira interceptação da temporada (depois de 19 TDs), tivemos números interessantes. Decker cometeu fumble, mas se redimiu marcando um TD. Julius Thomas foi o principal alvo, tendo dois TDs, e Welker marcou mais dois, sendo o único jogador até agora a ter TDs recebidos em todos os jogos.

D. Thomas não viu muito a cor da bola, por estar sempre com cobertura dupla ou tripla, mas quando foi necessário, especialmente no último quarto, apareceu bem. E nosso jogo corrido engrenou de vez, com Moreno tendo 140 jardas totais, com mais um TD e uma média de quase 5 jardas por carregada. Hillman também entrou bem, e só Montee Ball não engrenou. (todos juntos gritando “CJ, CJ, CJ”, vamos!)

Menção honrosa para Chris Clark, que tornou Demarcus Ware uma peça nula no pass rush.

Defesa

Nossa defesa começou catastrófica. Sofremos 14 pontos logo no começo do jogo. Tudo foi se recuperando, até que adquirimos o controle do jogo. Até o segundo tempo chegar.

Ao contrário dos outros jogos, não dominamos a segunda metade da partida. Se Von Miller e Champ Bailey já faziam falta, ficamos também sem Wesley Woodyard, Robert Ayers e Chris Harris Jr.. Como disse no BMF anterior, as lesões prejudicam demais um time. E quando os cinco melhores titulares da defesa estão lesionados, todos sofrem.

Cedemos 48 pontos, coisa que não acontecia há tempos, praticamente todos no jogo aéreo, nossa maior fraqueza. Esperamos que, com a volta de Bailey e de Miller depois da bye extra (fala sério, Jax é obrigação de ganhar de muito), possamos ir inteiros para o jogo contra os Colts, que tem tudo para ser outra difícil parada.

Outro problema sério tem sido os tackles perdidos. São muitos. Isso não pode acontecer, não se realmente queremos Super Bowl. Precisamos que nossa defesa segure os adversários até, no máximo, 30 pontos, para dar um conforto para o time de ataque. Sei que eles acabam permitindo boas progressões também para darem tempo ao ataque descansar, mas com a volta dos titulares, acredito que isso não vai acontecer mais.

De ponto positivo, citemos Shaun Phillips, que conseguiu dois sacks e, principalmente, Danny Trevathan. Se ele não foi bem na maior parte da partida, ele fez a jogada mais importante: interceptou Tony Romo. E por favor, parem de culpar Romo, Trevathan fez a leitura perfeita da jogada. Queria que ele não tivesse caído no chão, para ter levado para casa, mas da forma como foi acabou sendo melhor, visto que conseguimos, graças à burrice alheia de não nos deixarem marcar um TD, fazer o relógio correr até o fim. Meu coração disparou na hora da interceptação, sério.

Special Teams

Matt Prater foi o cara da partida. Acertou todos os extra points e os 3 Field Goals nos quais foi solicitado, incluindo um de 50 jardas fora da altitude, o que é algo para ser respeitado, e o decisivo, que selou nossa vitória.

Trindon Holliday não nos deu touchdown desta vez, mas teve bons retornos. Acho que os punters e kickers estão aprendendo a chutar pra longe dele.

Li durante a semana que o Denver Broncos estava fazendo testes com alguns punters, para o caso de Britton Colquit e seu maior contrato entre os jogadores da posição se machucarem. Nem precisa. Ele jogou tanto quanto Matt Flynn, nada. Deve ser legal assistir ao jogo do banco de reservas. E como holder, ele foi perfeito.

Aaron Brewer não é citado em nenhuma estatística, mas ele foi igualmente importante no jogo. Como Long Snapper, ele tem que ser perfeito, especialmente quando o placar é decidido por um Field Goal. E ele tem sido. Ano passado, alguns times perderam seu long snapper, e vimos o quanto de falta isso fez. Torçamos então para que Brewer continue saudável, ele é o coração do nosso Special Teams.

E agora

O Bom, o Mau e o Feio

O-Bom

O vencedor d’O Bom da semana 5 é… Matt Prater!
Fiquei em dúvida entre Knowshon e Prater, porque sempre peguei no pé dos dois. Optei pelo último porque tem muita gente que se esquece do quanto o kicker é importante, especialmente quando se tem Peyton Manning como QB. Desde os tempos de Tim Tebow que não precisávamos de seu chute decisivo, mas ele, Aaron Brewer e Britton Colquit fizeram um excelente trabalho todas as vezes nas quais foram necessitados. Aquele FG de 50 jardas foi espetacular. Fazer isso em Denver é fácil. No Texas é bem mais difícil.

O-Mau

O vencedor d’O Mau da semana 5 é… ou melhor são… as lesões. DE NOVO!
Já estávamos sem Von suspenso, sem Champ e Ryan Clady machucados. Agora as lesões decidem pegar outros 3 titulares defensivos? Não há time que tenha depth suficiente para isso. Champ já volta para o próximo jogo, os outros, talvez. Vamos torcer para estarmos completos contra os Colts.

O-Feio

Foram 37 votos, um recorde nas nossa votações. E por unanimidade, o vencedor d’O Feio da semana 5 é… Nossa Defesa!
Temos duas BYE Weeks esta temporada, semana 6 e 9. Uma temos que entrar em campo, na outra, não. Alguém deve ter confundido nossa defesa, porque eles acharam que a Bye era na 5. Justo contra o terceiro melhor QB da temporada. Que bom que o ataque segura as pontas do outro lado. Mesmo com as lesões, a defesa se desligou do jogo no segundo tempo. Não dá pra fazer isso mais. Por favor. Daqui a pouco, vocês vão deixar o Jaguars marcar um TD.

Bem, foi isso, pessoas.
Esta semana que começa, somos favoritos absolutos contra o pior time da liga. Uma curiosidade, os 51 pontos que marcamos no jogo igualam toda a pontuação do Jags no ano. Dá pra imaginar o massacre, né?

Vamos ver Brock Osweiler marcar seu primeiro TD como profissional, estou ansioso por esse momento.

Até a próxima!

Este post não necessariamente representa a opinião
do BroncosBrasil.com, mas unicamente de seu autor.

9 comentários

  • Destaques justos…
    Como diria o intragável Sr.. Bueno esse jogo foi um teste pra cardíaco.
    No entanto vencemos e teremos esse próximo jogo como recompensa, pra espero, podermos desfrutar de uma vitória tranquila com um passeio no SAF@MH.

  • Quando eu vi a interceptação eu assustei todo mundo na minha casa gritando: CHUPA ROMOOO!
    O Fox é macaco velho, ele sabe que é melhor deixar o Bailey descansar. Eu acho que não tem desculpa de 'pegar ritmo', ele foi pegar ritmo na pré-temporada e olha só.
    Vamos botar 40 de diferença nos Jaguars

    #GOBRONCOS!

  • Esse foi bem facil conseguir o Mau e o Feio ne LH =(

  • a INT do manning nao foi depois do 20 passe pra td nao? tinha quase certeza

    • e o welker so marcou 1 td :( triste pelo meu fantasy

    • Não, o vigésimo passe veio depois. Ele agora tem 20 TDs, 1 INT e 1 TD trotando

      • Errou a digitação LH. Não é 1 TD trotando. É 1 TD trollando. hauahuahuaha

  • O feio eu acho que poderia ter dado pro DRC, por conta daquela trombada pavorosa (DE NOVO!!). Tem que olhar por onde corre, meu filho.
    Sobre o jogo desse domingo, acho que eles vão meter um balaio de pontos no primeiro tempo, e no segundo tempo Osweiler entra em ação. Precisamos dar rodagem pro garoto que daqui uns 3 anos acredito que vamos precisar dos seus serviços.
    Champ tem que tirar a poeira dos pulmões nessa semana porque na outra ele vai ter Reggie Wayne e T.Y. Hilton pra marcar, aí vai ser dureza.
    Não ouso arriscar um placar pra essa semana, mas acho que vai ser um estupro televisionado….

Deixe seu comentário


+ um = 8

Curta o BBr no Facebook

Aposta 10

Comentários +Recentes

Grupo do Facebook

Siga o BBr no Twitter